Indo para Machu Picchu de van, pela trilha da hidrelétrica

trilha machu picchu hidrelétrica

Existem, pelo menos, dez maneiras para se chegar em Machu Picchu. O caminho pela hidrelétrica, combinando van e trilha, é uma das alternativas mais baratas e rápidas para quem está em Cusco. Uma parte do trajeto é feito com veículo motorizado (entre Cusco e a hidrelétrica – percurso que leva seis horas). O restante, caminhando pela beira da ferrovia.

A hidrelétrica é o ponto mais próximo que um veículo de quatro rodas consegue chegar de Machu Picchu – não existem estradas até lá. A partir da hidrelétrica, são duas horas de caminhada (13,8km)  até Águas Calientes, ou Machu Picchu Pueblo, a cidade que fica aos pés do parque.

Se você está com algum receio em fazer essa trilha, fique tranquilo. A dificuldade não é alta (o caminho é praticamente plano) e é só seguir os trilhos de trem que você não irá se perder. Sem contar que há muita gente transitando pelo trecho, indo e voltando de Águas Calientes.

Acompanhe nossas dicas!




Percurso Cusco – Machu Picchu

cusco machu picchu forma barata

Em amarelo: caminho de Cusco até a Hidrelétrica

Método barato de conhecer Machu Picchu

Enquanto que o trem que vai de Cusco a Machu Picchu não sai por menos de US$ 55 o trecho (US$ 110 ida e volta), é possível encontrar transporte direto para a hidrelétrica por US$ 15 (US$ 30 ida e volta), nas agências turísticas de Cusco.

trem até águas calientes peru

A vantagem do trem, além do conforto, é o tempo de viagem.

De van, são seis horas até a hidrelétrica, costeando montanhas e vales, muitas vezes por uma estreita estrada de terra. Depois, mais duas horas caminhando pela beira da ferrovia.

De trem, são duas horas e meia, pelo meio do vale do Rio Urubamba. E você para diretamente em Águas Calientes.

Ah, a van tem um ingrediente a mais: a emoção. Duvida? Confere esse trechinho em vídeo aí então!

De Cusco a Águas Calientes de van

As vans saem de Cusco, desde as cercanias da Plaza San Francisco, entre às 8h e às 9h. O serviço é contratado diretamente nas agências de turismo ou pessoalmente, próximo da hora de embarque. Por mais que não seja garantido que vai haver lugar se você sem reservas, muitas vans saem com ou dois acentos desocupados, pegando alguém no caminho, geralmente em Ollantaytambo.

São feitas duas paradas. A primeira, para café-da-manhã, duas horas depois de deixar Cusco, perto de Ollantaytambo, e depois em Santa Maria, para almoço, outras duas horas depois. Caso você comprar um pacote mais completo, este é o almoço que estará incluído.

De Santa Maria, são mais 40 minutos até a hidrelétrica, onde o motorista da van vai deixar os passageiros.

A trilha a pé pela hidrelétrica

As vans deixam os passageiros na estação de trem. Ao redor, há diversos restaurantes baratos e vendinhas de moradores locais, com produtos a preços bem melhores que os praticados em Águas Calientes.

Deve-se seguir pela linha férrea por alguns metros e tomar uma trilha que sobe à sua mão direta. A subida é um pouco inclinada é dá com outra ferrovia. Agora, é só seguir em frente. Se você se manter nos trilhos, não há como se perder. O fim da malha é em Águas Calientes!

Não esqueça de levar repelente, que os mosquitos de Machu Picchu são verdadeiros canibais loucos por sangue de brasileiros!

Tenha um pouco de cuidado com suas costas quando estiver indo, pois o trem passa frequentemente. Pelo menos uma vez, ele vai passar por você. Em determinada época do ano, as árvores ficam recheadas de mangas e outras frutas.

A volta da hidrelétrica a Cusco

Na hora de voltar, você precisa ter apenas um único cuidado: estar na hidrelétrica antes das 16h, quando saem as últimas vans. Os veículos começam a voltar para Cusco às 15h.

Caso você já tenha comprado a volta junto com a passagem de ida, basta buscar o seu nome em uma lista que estará com prestadores de serviço que organizam as vans. Se não tiver comprado a passagem antecipada, sem problemas. Fale com esses mesmos prestadores e tente negociar um bom preço. Mas tente estar antes das 15h na hidrelétrica.

Na volta, a van faz apenas uma parada, antes de Ollantaytambo, com tempo suficiente para ir rapidamente no banheiro e fazer um lanche.

Está gostando das dicas?

Então lhe convidamos para conhecer o Guia do Mochileiro Aventureiro – Machu Picchu e Cusco. Ele reúne todas as informações que você precisa para fazer uma viagem única, do seu jeito, por Machu Picchu, Cusco e o Vale Sagrado do Incas com duração de 3 dias a 2 semanas! Clique aqui e saiba mais.

Dificuldade

dificuldade trilha hidreletrica machu picchuQuanto ao mal de altitude, não se preocupe com ele. Se Cusco está a 3300 metros e sentimos muito cansaço, essa região está aos 2 mil metros, de forma que só as pessoas mais sensíveis vão sentir as reações do soroche.

Se, depois de quase duas horas caminhando, você chegar em um túnel, é porque passou da entrada principal. Águas Calientes está do outro lado. Há uma placa dizendo que é proibido atravessá-lo por questões de segurança. O melhor, no caso, é voltar um pouquinho e entrar na cidade pelo local correto.

Muito importante: não se deve confundir a trilha da Hidrelétrica com a trilha Inca e outros caminhos de longo curso que levam até Machu Picchu. Quem busca uma atividade mais radical, pode ler esse relato do trekking pelo nevado Salkantay até Machu Picchu, do blog 7 Cantos do Mundo.

O que levar

Protetor solar e um boné ou chapéu são importantes para se proteger do sol, pois a maior parte do caminho é exposta, sem sombra de árvores. Repelente também é indispensável, como lanches e água. Lembre-se que são oito horas de trajeto.

No inverno, prepare-se para temperaturas abaixo dos 10º. Quanto a temperatura e temporadas de chuvas, recomendamos que você leia nosso artigo sobre a melhor época de conhecer Machu Picchu.




De Águas Calientes a Machu Picchu

aguas caliantes peru

Para chegar em Machu Picchu, são necessárias mais 2 horas de caminhada, subindo por uma trilha de pedras, ou tomar um ônibus na cidade, cujo trecho custa US$ 40 (o mais caro do mundo). De toda forma, compreenda que se você for pelo caminho da hidrelétrica, não é possível ir e voltar de MaPu no mesmo dia.

São seis horas de estrada, mais duas horas de caminhada. É bem possível que você chegue em Águas Calientes já tarde da noite, com o sol se pondo. Horário em que o parque estará fechado.

Normalmente, dorme-se essa noite na cidade e acorda-se às 3 da manhã para iniciar a subida, chegando na entrada do parque com o nascer do sol.

Por que ir para Machu Picchu pela hidrelétrica

Hoje, se tivesse que escolher a forma de ir para Machu Picchu, faria um percurso de trem e outro de van, para ter ambas as experiências! De trem, você irá trafegar pelo meio do Vale Sagrado dos Incas. De van, fará um caminho mais longo, subindo e descendo pela encosta de diversas montanhas, costeando nevados como o Verônica. Agora, se o seu orçamento está apertado, nem cogite o trem e faça tudo de van.

Se você quer mais dicas como essa, não deixe de conhecer nosso o Guia do Viajante Aventureiro – Cusco e Machu Picchu 2019. Nele, reunimos todas as informações que você precisa para fazer sua viagem para MaPu do seu jeito, com as alternativas para o orçamento que você dispõem! Clique aqui e confira!

Henrique Lammel

Jornalista e produtor de conteúdo

70 comentários em “Indo para Machu Picchu de van, pela trilha da hidrelétrica

  • agosto 23, 2019 em 9:23 am
    Permalink

    Olá Henrique!
    Sou Grasielle e estarei indo para Machu Picchu em setembro com alguns amigos. Como o tempo que teremos será bem curto, chegaremos em Cusco pela manhã cedinho e já vamos para Águas calientes no mesmo dia no final da tarde, de trem!
    O dia da chegada é um domingo. Você acha que encontramos agências de turismo abertas para contratar a van para o retorno, da hidrelétrica a Cusco e outros passeios?

    Seu blog é excelente, muitas dicas maravilhosas. Parabéns!!

    Resposta
    • agosto 24, 2019 em 10:54 am
      Permalink

      Oi Grasi, que bom que nossos artigos estão ajudando!

      Para voltar, o que o pessoal faz é chegar lá na hidrelétrica mesmo e fechar a volta diretamente com os motoristas. Porém, dependendo do tamanho do grupo de vocês, realmente pode ser um pouco complicado. Vais encontrar agências abertas sim, mas quanto a passeios, por exemplo, nao te recomendo contratar nada em Águas Calientes, porque a cidade é pequena e tudo sai bem mais caro nela.

      Resposta
    • setembro 12, 2019 em 1:36 am
      Permalink

      Estou vendo uns videos da estrada que leva até santa tereza e estou ficando assustado, realmente é complicada aquele trecho de terra? Tem a possibilidade de fazer este trecho apé?

      Resposta
      • setembro 18, 2019 em 4:24 pm
        Permalink

        Tem um pequeno trecho, mais pro final, que é complicado mesmo, ehehehe…

        Podes fazer caminhando sim…também podes parar em Ollantaytambo, dormir lá de noite e caminhar pelos trilhos do trem até MaPu, começando beeem cedo porque é pesado, tipo uns 35km….

        Resposta
  • julho 29, 2019 em 8:53 pm
    Permalink

    Olá Henrique! Obrigada pelas dicas bastante úteis.
    Gostaria de saber algumas informações, será que me pode ajudar? Vou em setembro, com mais uma pessoa.
    Acha possível pegar um taxi (de manhã bem cedo) desde Cusco para ir visitando o vale sagrado e o mesmo nos levar até Santa Teresa (às termas), passar lá a noite e na manhã seguinte pegar um taxi até à hidroelétrica? Há lá taxis a fazer esse serviço?

    Resposta
  • junho 6, 2019 em 5:07 pm
    Permalink

    Boa tarde Henrique, ótimo conteúdo!
    Farei a viagem sozinho, e estou muito interessado em fazer a trilha da Hidrelétrica até Águas Calientes. Só tenho o receio de fazer esta trilha sozinho… sabe dizer se este trajeto de Cusco até a Hidrelétrica feito pelas Vans são em sua maioria viajantes com a mesma intenção? Outra dúvida meu amigo, é sobre os horários… você estimou 6 horas de van até a hidrelétrica, e mais 2 horas de trilha… neste caso, qual horário as vans costumam sair para este trajeto de Cusco até a Hidrelétrica? Obrigado e parabéns novamente.

    Resposta
    • junho 7, 2019 em 5:27 pm
      Permalink

      E aí Lázer! Ficamos super felizes em estarmos ajudando em sua viagem!

      É super tranquilo de fazer a trilha sozinho e certamente você vai encontrar muita gente viajando sozinho também – pode ir sem medo. 90% das pessoas que encontrar nos trilhos vão ser viajantes e outros 10% nativos vendendo algo. Se está com receio por causa da segurança, vai tranquilo.

      As vans saem pelas 9h de Cusco e e chegam na hidrelétrica às 15h, 16h. Até às 18h, você chega em Águas Calientes. Normalmente, chega-se lá no fim de tarde, pelo por-do-sol.

      Resposta
      • junho 26, 2019 em 2:59 pm
        Permalink

        Henrique, obrigado pela resposta…
        Estou planejando a viagem, e tenho mais uma dúvida… pretendo ir e voltar pela hidrelétrica… Porém, pretendo fazer a trilha de volta para a hidrelétrica no mesmo dia em que eu visitar as ruínas… será que é humanamente possível? acha que ficaria puxado? tem a questão do horário também, que pode ser apertado… obrigado!

        Resposta
        • junho 26, 2019 em 4:07 pm
          Permalink

          Fica tranquilo que esse é o roteiro tradicional. A ideia é que você conheça Machu Picchu e desça para Águas Calientes até o meio dia, para poder caminhar até a hidrelétrica e chegar lá antes das 15h, voltando para Cusco no mesmo dia.

          Se é puxado, vai depender do seu preparo físico e de suas escolhas. Se você, ao invés de tomar o ônibus, resolver subir e descer de Machu Picchu caminhando, e ainda por cima fizer a trilha até alguma das montanhas (Machu Picchu ou Huayna Picchu), vai ser beeeem puxado. Mas mesmo assim, é humanamente possível fazer, ehehehe…

          Se você tiver um estilo de vida sedentário, te diria para tomar o ônibus para ir e volta de MaPu. Caso contrário, pode fazer tudo caminhando, ou ao menos tome o ônibus na subida, que exige muito mais do corpo do que descer. Ou se fizer uma das montanhas, pelo menos suba para o parque de ônibus.

          Resposta
      • julho 9, 2019 em 10:20 pm
        Permalink

        Olá Henrique! Estou aproveitando muito suas dicas e os comentários neste post, irei para o Peru em Outubro só comprei as passagens até agora. Queria saber mais dos lugares antes de ver hospedagens e passeios. Adorei o trajeto econômico que vc indicou de van e trilha, a minha dúvida é em questão a bagagem, se em Cusco há como deixar mala pra levar o mínimo pra se fazer a trilha, o que vc me diz sobre isso?

        Resposta
        • julho 10, 2019 em 5:23 pm
          Permalink

          Tem sim, inclusive, 95% dos turistas faz isso e as hospedagens já se dispõem a guardar a equipagem por alguns dias 😉 E a nossa dica é essa mesmo: leve somente o essencial para Águas Calientes, deixe o pesado e volumoso em Cusco.

          Resposta
  • maio 23, 2019 em 4:16 pm
    Permalink

    Olá, vi seu relato sobre a alternativa da van e queria saber se também tem a opção de sair de Ollantaytambo para a hidrelétrica. Saberia informar

    Resposta
  • maio 17, 2019 em 10:56 am
    Permalink

    Bom dia Henrique, gostaria de fazer trilha a pé de Aguas Calientes p Machu Picchu… são Qto km? Subida é íngreme? Qtas horas de caminhada p quem não está mto em forma ? É difícil ?idades45-48 anos? Mto Obrigada.

    Resposta
    • maio 18, 2019 em 10:59 am
      Permalink

      Oi Natasha! Essa trilha é bem curta, tem menos de 2 quilômetros. Mas realmente, ela é bem íngreme e cansativa e é nisso que está sua dificuldade – imagine uma escadaria de pedras!

      Uma pessoa que não está em forma vai levar algo como uma hora e meia para fazer o trajeto desde Águas Calientes. A dica que damos é que fala a subida de trem e depois desça caminhando, pois descer é beeeem mais tranquilo que subir 😉

      Resposta
  • abril 12, 2019 em 4:40 pm
    Permalink

    Olá Henrique. Massa seu relato! Vai ajudar muito! Veja se o meu roteiro seria possível:

    Antes de ir a Machu Picchu, penso em fazer o Valle Sagrado. Pelo que pesquisei, o Valle é um passeio de um dia todo, que termina em Ollantaytambo e retorna a Cusco. Então, eu já queria ficar por lá, eu não retornaria a Cusco, pernoitando e de lá ir para a Hidrelétrica no outro dia. Creio que ja seja meio caminho andado. Dá certo pegar uma van de Ollantaytambo para a Hidrelétrica, ao invés de ir de Cusco? Pelo mapa que você colocou, vejo que a van passa lá, não é?
    Se de Cusco para Ollantaytambo são 1h40m, eu já economizaria esse tempo precioso…e já não seriam as 6h de van.
    No aguardo.
    Abraço!

    Resposta
    • abril 12, 2019 em 5:43 pm
      Permalink

      Sim, é tranquilo e, dessa forma, aconselhável! As vans que vem de Cusco sempre fazem uma parada em Ollantaytambo para recolher e às vezes até deixar alguém.

      Muita gente acaba fazendo esse tour do Vale Sagrado e, na mesma tarde, pegando o trem para Águas Calientes. Isso não recomendamos, porque nunca dá tempo de ver o sítio arqueológico de Ollantaytambo, que é tão incrível quanto Machu Picchu. O pessoal do tour chega na cidade e quem vai pegar o trem precisa sair correndo pra estação. Mas indo no outro dia, é uma ótima ideia!

      Resposta
  • março 29, 2019 em 12:05 am
    Permalink

    Henrique, eu quero ir a MP dia 26/04, e gostaria de pegar o horario de entrada as 7h da manha, é um horario bom para quem queri ir até a hidreletrica a pé e pegar uma vã para retornar a Cusco? Qual o tempo de percurso de MP a hidreletrica sem paradas em Aguas Calientes?

    Resposta
    • março 29, 2019 em 3:13 pm
      Permalink

      Oi Raiane! Se começar a descer de MaPu pelo meio dia, chegas às 15h na hidrelétrica, que é o horário em que as vans estão saindo. Mas se entrar às 7h, vais ter tempo limite até as 11h pra ficar em MaPu, então vai dar tempo tranquilo!

      Resposta
  • fevereiro 6, 2019 em 10:12 pm
    Permalink

    Olá Henrique!

    Gostaria de ter as duas experiências na mesma ocasião. Ida de trem até Águas Calientes (me hospedando um dia anterior em Ollantaytambo) e o retorno do Machu Picchu utilizando a trilha até a Hidrelétrica. Você acha uma possibilidade viável?

    Caso possível, eu teria que contratar uma Van para o retorno ou é de fácil acesso encontrar vans que estão indo direto para Cusco a partir da Hidrelétrica?

    Resposta
    • fevereiro 11, 2019 em 9:00 am
      Permalink

      É viável e até indicado!

      Quanto a contratação da van no retorno ou na ida, dá no mesmo, é tranquilo de contratar tanto para ir quanto para voltar. O que terias que pensar na tomada dessa decisão é a questão física e logística.

      Se fores de trem, podes tentar pegar o primeiro, conhecer Machu Picchu e voltar de van no mesmo dia. As questões físicas seriam investidas: de van, é preciso caminhar 1 hora e meia de Águas Calientes até a Hidrelétrica. Talvez seja melhor fazer essa caminhada na ida, pois na volta você estará cansado por causa da visita a Machu Picchu

      Resposta
  • janeiro 14, 2019 em 7:31 pm
    Permalink

    Boa noite!

    Henrique, viajo exatamente por esse espirito que tem todos os viajantes de dividir informações, obrigado pela paciência e por dividir sua experiencia conosco.

    Gostaria de saber qual o local para cambio real / soles que vc indica?

    E se vc tem outro passeio que não pode faltar?

    Desde já agradeço…

    Resposta
    • janeiro 16, 2019 em 12:58 pm
      Permalink

      E ai Diego, não me sinto confortável em indicar casas de câmbio assim, pois a cotação delas varia muito. Mas vai encontrar diversas casas de câmbio na Avenida El Sol e na Plaza de Armas da cidade. E aí, vai na menor cotação!

      Em Cusco, não deixe de fazer a Salinera de Maras – falamos dela aqui!.

      Resposta
  • janeiro 13, 2019 em 10:47 am
    Permalink

    Olá, de onde sai as vans de cusco para Hidreletica? Consigo comprar na hora? pois creio que vou chegar a noite em cusco (21:30) estou com receio das agencias ja estarem fechadas, e ja quero seguir cedo no dia seguinte para hidreletrica. obrigada

    Resposta
    • janeiro 16, 2019 em 12:55 pm
      Permalink

      Acredito que ainda encontrará algumas agências abertas sim! Há diversas nas ruas no entorno da Plaza de Armas, principalmente pela Avenida El Sol.

      As vans também saem das proximidades da Plaza de Armas e, principalmente, da Igreja São Francisco, perto do Mercado Públicos.

      Resposta
  • janeiro 9, 2019 em 6:21 pm
    Permalink

    Olá Henrique!
    Meu vôo está programado pra chegar em Cusco às 10:34.
    Eu consigo pegar uma van para águas calientes após o almoço?

    Resposta
    • janeiro 10, 2019 em 12:57 pm
      Permalink

      Acho difícil. As vans costumam sair antes das 9h de Cusco para estarem às 15h na hidrelétrica! Aí, terias que ir de trem ou fazer o caminho por transporte públic/taxi.

      Resposta
  • dezembro 23, 2018 em 3:31 pm
    Permalink

    Oi Henrique!!! Me passa porfavor o nome do hostel que você contratou esse serviço?

    Resposta
  • dezembro 22, 2018 em 8:34 pm
    Permalink

    Boa noite, Henrique, tudo bem?
    Estou com uma dúvida: li em diversos sites quanto a este roteiro de van até a Hidrelétrica e caminhada até Aguas Calientes, mas em nenhum lugar vi nada sobre a volta. Como funciona? Se faz a caminhada de Aguas Calientes até a Hidrelétrica e lá tem vans a espera para voltar para Cusco? Quais os horários daí? Isso tudo é acertado com a agência?
    Muito obrigado!

    Resposta
    • dezembro 23, 2018 em 7:50 pm
      Permalink

      Precisa estar de volta na hidrelétrica entre às 14h e às 16h. Vai ter um peruano organizando essa questão das vans, só falar com ele que tem põe em uma. Bom ter a nota que te dão quando contrata o passeio meio a mão nesse momento, caso pedirem pra comprovar que já tens a passagem paga.

      Resposta
  • dezembro 22, 2018 em 10:19 am
    Permalink

    Olá Meu caro, muito obrigado pelas dicas.
    O pacote van + hostel em águas calientes que fechou é comum por lá? Encontro fácil nas agências? Consigo fechar esse pacote na hora mesmo ou com um dia de antecedência?
    Vou em janeiro.

    Obrigado

    Resposta
    • dezembro 22, 2018 em 1:55 pm
      Permalink

      Sim, esse é o pacote básico oferecido pelas agências!

      Na hora pode ser meio complicado de fechar, porque as vans saem antes das 9 da manhã, mas consegue sim. Com um dia de antecedência é melhor, porque terás mais tempo para fazer uma pesquisa de preço e negociar.

      Resposta
    • janeiro 11, 2019 em 11:57 am
      Permalink

      Boa tarde Henrique, adorei as dicas. Por gentileza, qual é o hostel que ficastes em águas calientes? Valor? Com qual agência você fechou o pacote de van+hostel? é possível fazer com antecedência via internet ou só pessoalmente ao chegar em cusco? Grata!

      Resposta
      • janeiro 11, 2019 em 12:08 pm
        Permalink

        Maira, não fechei o pacote em agências, mas no hostel que me hospedei em Cusco, o Ukumari. Fechei com eles porque o preço era melhor que das agências.

        Podes fazer com antecedência, mas a tendência é que pague o dobro dessa forma. Consegues um bom desconto contratando in loco, em Cusco mesmo.

        Resposta
  • dezembro 21, 2018 em 3:49 am
    Permalink

    Olá, obrigado pela vossa disponibilidade.
    Gostei muito do seu post, vou acompanhar o seu blog/site.

    Muito obrigado
    Manuela Silva

    Resposta
  • dezembro 3, 2018 em 4:54 pm
    Permalink

    Boa tarde!

    Primeiramente, parabéns pelas dicas!

    Estou indo em Janeiro pra Machu Picchu, e estou com uma duvida.

    No dia 29 de janeiro pegarei uma van pra hidreletrica e irei caminhando ate aguas calientes, onde irei pernoitar. No outro dia cedo, vou pra Machu Picchu de onibus, onde farei a trilha Huayna Picchu (ingressos ja reservados). O tour total tem finalizacao por volta de meio dia e 13h. Terei que pegar um onibus ate Aguas Calientes de novo e caminhar ate a hidreletrica pra pegar a van de volta para Cusco.

    Que horas geralmente essas vans saem de volta pra Cusco? Com sorte, acho que chegarei por volta das 16h. Tenho receio de nao chegar a tempo…

    Pode me ajudar?

    Resposta
    • dezembro 3, 2018 em 6:49 pm
      Permalink

      E ai Guilherme, tudo certo?

      Se está com receio de não chegar a tempo, lhe diria para passar uma noite a mais na cidade (Águas Calientes é um lugar bem agradável) e sair no outro dia, perto do meio-dia. Ou então tomar um trem.

      Mas, em três horas, dá tempo pra pegar o õnibus e fazer o caminho de volta, a pé.

      E enfim, quando digo que a última van sai às 16 horas, bem, muitas vezes tem alguma que fica por lá mais tempo, ou que chega mais tarde para deixar alguns turistas. Existe fluxo de veículos até mais tarde. 16 horas é o horário com que as operadoras de turismo trabalham.

      Resposta
  • novembro 18, 2018 em 11:37 am
    Permalink

    Olá Henrique, tudo bem?
    Primeiramente gostaria de dizer que seu post foi muito esclarecedor! Ajudou bastante em sanar diversas dúvidas que tinha sobre a viagem. Mas tenho uma pergunta: vc achou o trajeto da van muito perigoso? É só uma “emoção” ou há riscos reais? Meu orçamento está curto mas não sei se economizaria na minha segurança kkkkkkk queria experimentar a van, mas se tiver riscos reais eu ja não sei. Oq vc achou?

    Resposta
    • novembro 18, 2018 em 1:05 pm
      Permalink

      Oi Thais, fico super feliz que tenha ajudado!

      Quanto a riscos, é sempre bom elmbrar que acidentes em estradas são riscos reais em qualquer lugar!

      Chegou a ver o vídeo da matéria? Parte do caminho é um pouco tenso, mas é uma realidade que vais encontrar em várias estradas do Peru e da Bolívia, por culpa da geografia acidentada na Cordilheira dos Andes! Esses tempos, houve um acidente com os trens e várias pessoas ficaram feridas…

      Resposta
  • outubro 11, 2018 em 2:10 am
    Permalink

    Olá, Henrique! Quando você foi e quanto pagou pelo pacote? Aliás, pegou pacote ou negociou van, hospedagem, entrada e guia separadamente? Fui em 2015 e peguei o pacote indo e voltando pela hidroelétrica com tudo incluso. Queria saber pra comparar os preços, saber se mudou. Agradeço

    Resposta
    • outubro 15, 2018 em 1:24 pm
      Permalink

      E ai Carla! Comprei um pacote com tudo incluso, com duas noites de hostel, ingresso para Machu Picchu e montanha, por US$ 130!

      Resposta
  • setembro 2, 2018 em 2:45 pm
    Permalink

    Da pra descer de MAPI direto até a Hidrelétrica caminhando? se sim sabe quanto tempo leva?

    Resposta
  • agosto 21, 2018 em 10:55 am
    Permalink

    Obrigado pelas dicas. Irei fazer a trilha: Hidrelétrica a Águas Calientes. Estou com medo de passar pela entrada principal e me deparar com o túnel. Você tem alguma foto dessa entrada principal ou alguma dica de mais ou menos onde ela está? Abraço!

    Resposta
    • outubro 9, 2018 em 11:35 am
      Permalink

      Não tenho Alexandre, cheguei lá de noite, super escuro! Mas assim, a entrada principal fica a poucos metros do tunel, se chegar nele, basta voltar um pouco

      Resposta
  • agosto 19, 2018 em 7:28 pm
    Permalink

    Olá Henrique, tudo bem?
    Obrigada pelo post.. estou pesquisando como fazer essa viagem e sua experiencia me ajudou bastante.
    Estou pensando em fazer a rota começando com um tour pelo Vale Sagrado e chegando em Ollantaytambo. Daí pegar um trem para Aguas calientes que sai no final da tarde (19:00) para passar a noite lá e poder subir em Machu Picchu no proximo dia de manha. Com relação a este plano, eu gostaria de tirar alguma dúvidas, por favor:
    1) Eu consigo fechar o tour pelo Vale Sagrado estando já em Cusco ou é melhor comprar com antecedencia?
    2) Voce recomenda pegar o onibus de Aguas Calientes até Machu Picchu ou a caminhada é tranquila?
    3) Tem como pegar uma van só de volta de Aguas Calientes até Cusco e evitar o trem?

    E também, voce acredita que esse planejamento é praticavel?
    Eu vou viajar sozinha e farei este trecho no meio de setembro.
    Obrigada! 🙂

    Resposta
    • outubro 9, 2018 em 11:32 am
      Permalink

      1) O melhor é comprar em Cusco mesmo, vais conseguir um preço muito melhor que comprando antecipado!

      2) Isso é muito relativo. Se você tem uma vida sedentária, vai ser uma caminhada puxada. Recomendo pegar o ônibus na ida, para subir, e depois na volta, descer caminhando 😉 aí tu tem as duas experiências…

      3) Tem sim! E teu planejamento é planejável, vai sussa e boa sorte!

      Resposta
  • agosto 15, 2018 em 5:19 pm
    Permalink

    Vou fazer um passeio e chego em Olantaytambo por volta das 16. Tem van saindo por este horário pra Aguas Calientes?

    Resposta
  • agosto 2, 2018 em 2:15 pm
    Permalink

    Henrique,

    Primeiro, parabéns pelo post e obrigada por compartilhar todos os detalhes, suas dicas foram valiosas!
    Vou agora em setembro para Cusco e pretendo fazer esse trajeto para chegar até Machu Pichu. Tenho algumas dúvidas:

    1 – Esse pacote via hidrelétrica ja inclui o ingresso para Machu Pichu? Você acha que posso confiar de comprar quando estiver lá, ou é melhor garantir pelo menos o ingresso antes da viagem?
    2 – O trajeto de trilha entre a hidrelétrica e Aguas Calientes é feito de maneira independente ou junto com o guia? Ou o guia é somente quando chegamos em Aguas Calientes e e depois em Machu Pichu de fato?
    3 – Estou pensando que talvez a volta até a hidrlétrica prefira fazer de trem, pois vou estar cansada de ficar andando o dia todo em Machu Pichu. Devo comprar o ingresso do trem no dia anterior ou consigo comprar na hora?

    Muito obrigada pela atenção!

    Resposta
    • agosto 2, 2018 em 2:54 pm
      Permalink

      Valeu…Vamos lá:

      1 – Se você quer subir a montanha Huayna Picchu, precisa comprar mais de um mês antes. Agora, se quer somente conhecer Machu Picchu ou até subir a montanha Machu Picchu, pode comprar o ingresso e fechar o tour um dia antes, sem problemas…

      2 – Quando fui, foi assim: o motorista da van nos deixou na hidrelétrica. Fomos sozinhos pelos trilhos até águas calientes e encontramos o guia na praça, nas escadarias da igreja. Aí ele nos levou pro hostel, pra comprar os ingressos pra Machu Picchu e depois pra jantar…Fomos encontrá-lo novamente no dia seguinte, na entrada de Machu Picchu…

      3 – São vários viagens por dia de trem e tu pode comprar um dia antes. Agora, se quiser comprar pra algum horário específico, como o último do dia, o primeiro do dia, ao meio-dia, é melhor sempre comprar com uns 4, 5 dias de antecedência!

      Resposta
  • julho 22, 2018 em 11:24 pm
    Permalink

    Henrique, boa noite?
    Estou com uma dúvida e talvez vc me ajude com uma dica.
    Chego em cusco em 29/07 e pensei neste dia ir visitar Pisac e Ollantaytambo e no dia seguinte, pegar a van para a Hidroelétrica. Então, pensei em dormir em Ollantaytambo e ir já dali para a hidroelétrica já que possivelmente estaria um pouco mais próximo de lá. Acha que tem vans saindo de Ollantaytambo ou tem algum meio de transporte que posso usar para chegar até lá? E se possivelmente na volta consigo uma van para Cusco, já que na ida saí de Ollantaytambo?
    Fico no aguardo e valeu pelas dicas.
    Abração!!!

    Resposta
    • julho 23, 2018 em 12:10 am
      Permalink

      Com toda a certeza vais encontrar trnasporte, pois todas as vans que vão pra Machu Picchu passam por Ollantaytambo e muitos turístas optam, também, por passar uma noite na cidade. Se tu vai com mais pessoas, até um taxi pode ser interessante.

      Quanto à volta, imagina que tu vai chegar na hidrelétrica e vai ter um monte de motoristas de vans esperando os veículos lotarem para sair. Basta conversar com eles e ver uma que tenha espaço para embarcar.

      Resposta
      • fevereiro 11, 2019 em 12:46 pm
        Permalink

        Henrique! muito bom saber que tem pessoas dispostas a nos responder, mesmo que repetidas as perguntas…
        Pelo que entendi de tudo que li, posso ficar tranquila então em ir de van, de Cusco até hidrelétrica e na volta parar em Ollanta né?
        Acha que é preciso negociar antes com o motorista esse percurso ou fico totalmente despreocupada por que eles fazem normalmente.

        Resposta
        • fevereiro 11, 2019 em 9:48 pm
          Permalink

          Pode demorar um pouco Paula, mas sempre respondo, ehehe…

          Sim, podes ficar tranquila. O único cuidado que deves ter é chegar na Hidrelétrica pelas 14h30, 15h, pra garantir que tenha van. Se chegar muito perto das 16 horas ou depois dessa horário, pode não ter mais transporte além do trem.

          Se for parar em Ollantaytambo, conversa com o motorista antes sim. O trajeto de van corta a cidade, mas nem sempre param nela.

          Resposta
  • maio 27, 2018 em 12:16 pm
    Permalink

    Buenos dias

    Llego en Lima y Cusco Día 22/06 22/06 en 06 del manana
    ¿sería posible este mismo día ir a tomar una van, que va desde Cusco hasta una central hidroeléctrica? Para dormir en Aguas Calientes?

    Resposta
    • maio 27, 2018 em 2:53 pm
      Permalink

      Fabine, posso te dizer com quase total certeza que é possível! Às vans saem entre às 8h e às 9h, então tempo vais ter.

      Assim que chegar em Cusco, vai pra Plaza de Armas e busca uma agência aberta no entorno, elas que comercializam esses passeios. As agências mais econômicas estão na região do entorno da Plaza San Francisco, Calle Nueva Baja ou subindo pelas calles Chaparro e Hierro (da Plaza de Armas em direção ao Mercado San Francisco). E se tiver tudo fechado, pode entrar em algum hostel e perguntar, geralmente eles também vendem um acento na van pra hidrelétrica!

      Resposta
  • maio 14, 2018 em 2:59 pm
    Permalink

    Há a possibilidade de fechar com a van só um trecho? Ida ou volta

    Resposta
      • agosto 8, 2018 em 8:22 pm
        Permalink

        Boa noite. Sabe me dizer se tem van voltando da hidreletrica pra cusco depois das 14h? Pois pretendo voltar de Van mas teria muito pouco tempo pra curtir MP, já q teria o caminho da hidreletrica pra percorrer. Obrigado

        Resposta
          • maio 30, 2019 em 9:52 pm
            Permalink

            Antes de tudo queria agradece por sua contribuição valiosa. Minha dúvida é se vende só a volta de trem, vindo de Águas Calientes. Já que quero ir caminhando a partir da hidrelétrica e voltar de trem.

  • fevereiro 21, 2018 em 12:15 pm
    Permalink

    Dicas muito boas. Já conheço MaPu e estive em Cuzco novamente em janeiro de 2017 mas não fui até lá.
    Boas alternativas são sempre bem vindas!
    Abraços,
    Marcos (www.viagemfamilia.com.br)

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Está gostando das dicas?Então saca só essa!

O A Pé no Mundo acaba de lançar o Guia do Mochileiro Aventureiro - Machu Picchu e Cusco 2019. São mais de 100 páginas com mapas, preços, infográficos e todas as informações que você precisa para fazer uma viagem para o Vale Sagrado dos Incas do seu jeito, com total autonomia!

Quero ler o guia agora mesmo!