Preços, distâncias, segurança – como é viajar de ônibus pelo Peru

como é viajar de onibus pelo peruDe todos os países da América do Sul, o Peru é, sem dúvida, o país que oferece o melhor serviço de transporte de ônibus, (e muitos europeus garantem que é um dos melhores do mundo), se você quiser pagar por isso. Como diversas empresas exploram o mesmo trecho, há uma infinidade de companhias, que se diferem no preço e, consequentemente, na qualidade do serviço que oferecem.

As melhores, como Cruz del Sur, Oltursa e Movil Tours, possuem uma frota de ônibus novos e bem cuidados, com wii-fii, carregador de celular, poltronas mais confortáveis e espaçosas, possibilidade de comprar a passagem pela internet, boas refeições quentes, entre outras comodidades.

Outras, como Civa, conseguem oferecer um serviço similar com preços mais atrativos. Há companhias como a Tespa e a Andoriña, com uma frota regular de ônibus (mais simples, claro), porém quase sem serviços. E por fim, as pequenas companhias, com ônibus velhos e comuns, sem serviço algum, porém passagens muito baratas.

Para se ter ideia: a mesma passagem de ônibus entre Lima e Cusco, que pela Tepsa custa PER 50 (R$ 50), sai por R$ 170 pela Cruz del Sur (bus cama).



 

Experiência com as empresas de ônibus caras

empresa onibus peru

A concorrência pelo passageiro no Peru é grande, e as empresas de ônibus competem diretamente com as companhias aéreas low cost. Tentam se diferenciar no conforto: oferecem um serviço semelhante a de uma viagem de avião, porém com poltronas maiores e mais confortáveis. A experiência sempre muito boa, principalmente com a Movil Tours e Oltursa.

Experiência com as empresas peruanas baratas

Com a Tepsa foi boa: os ônibus eram simples, porém novos e valeu o preço que paguei. Com as companhias super baratas, já não foi tão boa. Eles não tem tantos cuidados com a questão de segurança no embarque de passageiros. Como o veículo é comum, o espaço entre as poltronas é menor, tornando as viagens com mais de 10 horas bem cansativas, pelo menos para mim, que tenho mais de 1,80 de altura.

Por fim: a pior experiência foi no trecho Cusco – Arequipa, pela empresa San Cristovan. Começou a chover pela noite e entrou água pelo teto do ônibus. Foi bem difícil dormir, mas a passagem custou 25% do que custaria por uma Oltursa.

Segurança nas estradas do Peru

Hoje, viajar de ônibus no Peru é muito mais seguro que no Brasil. Você é obrigado a fornecer seus dados ao comprar a passagem e precisa apresentar algum documento de identificação ao embarcar. Também fazem um vídeo do seu rosto e, para alguns trechos, tomam sua digital. Não é incomum que o ônibus seja parado no meio do caminho em algum bloqueio da polícia, que vai subir no coletivo e checar o documento de alguns passageiros.

Outro cuidado que se tem hoje é com o motorista. Antigamente, era provável que o condutor dirigisse mais de 20 horas sem parar. Hoje, isso é ilegal e praticamente todas as empresas tem dois motoristas por viagem.

Com o crescimento do turismo, a fiscalização para que todas as empresas sigam essas regras está bem mais rígida. Porém, vou voltar a experiência com a San Sebastian: pediram apenas minha identificação, porque a câmera para registrar o rosto dos passageiros estava estragada.

Como funcionam as rodoviárias

andar de onibus pelo peru

Diferente do Brasil, onde levamos a mala até o bagageiro do ônibus, no Peru é necessário despachar a bagagem, num modelo muito semelhante ao utilizado pelas companhias aéreas. Vai parecer um pouco estranho no começo, mas com o tempo se acostuma. Nunca fiquei sabendo de alguém que teve a mala roubada.

Muitas cidades, como Lima, não possuem rodoviária. Há um terminal de ônibus em Olivos, no norte da cidade, mas a maioria dos estrangeiros ficam em Miraflores e acabam utilizando as sedes das empresas localizadas no bairro San Isidro.

Cusco e Arequipa possuem terminais rodoviários. Nesses locais, é preciso pagar uma taxa de embarque em um guichê da rodoviária.

Comprar passagem de ônibus na internet

Há um aplicativo chamado Red Bus que facilita muito a vida. Ele permite a pesquisa de destinos por diversas empresas e a compra da passagem, desde que você tenha um cartão de crédito de uso internacional (não esqueça de desbloquear para o país que você irá viajar).

Preços, distâncias e duração das viagens

Lima – Cusco: 22 horas de viagem | 1101 km| Passagens de R$ 45 a R$ 135
Lima – Arequipa: 18 hora de viagem | 1012km | Passagens de R$ 40 a R$ 115
Lima – Huaraz: 9 horas de viagem | 402km | Passagens de R$ 30 a R$ 95
Lima – Paracas: 6 horas de viagem | 260km | Passagens de R$ 25 a R$ 120
Cusco – Puno: 8 horas de viagem | 386km | Passagens de R$ 20 a R$ 60
Cusco – Arequipa: 10 horas de viagem | 500 km | Passagens de R$ 30 a R$ 70*

*As passagens mais baratas são referentes a ônibus simples de empresas mais baratas. As passagens de preços mais caros valem para as empresas que oferecem melhores serviços, em dias normais (os preços  das passagens de ônibus não são fixos no Peru e podem subir em feriados e durante períodos de alta temporada e férias)

preço viajar de ônibus peru

Dicas

– Ter um agasalho é peça obrigatória, mesmo que a empresa lhe entregue um cobertor. Os motoristas costumam deixar o ar-condicionado na temperatura frio extremo e muitas vezes não vai adiantar reclamar.

– Os ônibus peruanos são agradáveis e as distâncias entre as cidades costumam ser grandes. Viajar de ônibus pelo Peru à noite é uma boa opção para economizar em hospedagem e em tempo.

– Algumas empresas, como a Oltursa, oferecem desconto nos acentos localizados ao lado do banheiro e próximo a terramoça (os passageiros possuem um botão de chamada, que fica tocando a noite inteira).

E se você vai para o Peru, pode se interessar por:

– Dicas sobre o que fazer em Huaraz e como é o trekking pela Cordillera Blanca;
– Como chegar nas praias de areia vermelha de Paracas e Ica;
– Quanto custa para visitar Machu Picchu;
– O que fazer no Vale Sagrado dos Incas.

Foto de capa: Divulgação/Oltursa
Demais fotos: Divulgação/Civa

2 comentários em “Preços, distâncias, segurança – como é viajar de ônibus pelo Peru

  • fevereiro 22, 2018 em 11:50 am
    Permalink

    Muito legal suas dicas! Sempre achei que fosse perigoso e ruim viajar de onibus pelo Peru! Bom saber que estava totalmente errada! =)

    Resposta
    • fevereiro 22, 2018 em 3:48 pm
      Permalink

      Mas abre o olho com essas companhias mais baratas, principalmente se a viagem tem 15, 20 horas de duração. Muitas vezes, eles só tem um motorista. As empresas melhores já possuem dois condutores que vão revesando…

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.