Como comprar entrada para Machu Picchu antecipada sem taxas adicionais

como comprar ingresso machu picchu antecipado

Muita gente está pagando caro pelo seu ingresso para Machu Picchu por comprar antecipadamente com agências de turismo. Não estou falando de um pacote, com passeios, hotel e outras comodidades. Algumas pessoas estão comprando apenas o ingresso em agências de turismo e pagando mais caro que os PER 152 cobrados nas bilheterias oficiais do parque (comprando pelo site oficial, há um acréscimo de PER 6,38 no valor, por causa da transferência por cartão de crédito).

Nessa artigo, vamos contar, passo-a-passo, como fazer para comprar sua entrada antecipada sem pagar mais por isso!




É mesmo necessário adquirir o ingresso antecipado?

A resposta é não, a menos que você queira subir a montanha Huayna Picchu. Aí, é bom você comprar o ingresso pelo menos a um mês da viagem. O número de turistas por dia que pode acessar o local é muito limitado e os ingressos, realmente, se esgotam rapidamente.

Agora, somente para entrar no parque, é possível comprar na véspera ou até mesmo no dia, na portaria! Tenha um pouco mais de atenção nos feriados nacionais e finais de semana na alta temporada (no inverno), quando muitos peruanos acabam se deslocando para Cusco para conhecer a cidade Inca. Aí, a lotação costuma ser preenchida.

Obviamente que, se o seu roteiro não for muito flexível, é indicado comprar com alguns dias de antecedência! Assim, você não corre risco algum de não encontrar mais os tickets para o dia seguinte. O que é muito raro de acontecer, mas não impossível. O principal: não caia no corre-corre promovido pelas agências de turismo, que às vezes querem ganhar sua comissão com a venda do ingresso.

Restrições na compra

Para comprar a entrada antecipada para Machu Picchu, você precisa ter um cartão de crédito da bandeira Visa ou Mastercard, desbloqueado, para uso internacional e em seu nome. Há quem arrisque, mas nos termos e condições da reserva está bem claro que sua entrada pode ser barrada se o titular que adquiriu o ticket não estiver presente ao ingressar no parque.

Pode parecer estranho, mas há poucos anos houve um ‘surto’ de pessoas comprando ingressos com cartões falsos e essa foi a forma que encontraram para resolver (volta e meia, mudam as regras para aquisição de meia entrada por estudantes, por causa de fraudes nas carteiras escolar).

Hoje em dia, na maioria dos casos, o pessoal da portaria não verifica, mas há relatos na internet de turistas que foram barrados por isso. Então, fica o aviso.

Caso você não tiver o cartão Visa ou estiver com problemas para efetuar a compra e quer garantir sua visita à cidade inca, sugerimos que adquira o ingresso a partir do Get Your Guide (clique aqui para acessar a página de Machu Picchu). Você vai pagar uma comissão (cerca de US$ 8) para o site, porém o sistema é seguro e aceita outras formas de pagamento além de um cartão internacional 

Atualização: Com as constantes flutuações do real, pode até ser vantajoso comprar o ingresso no GetYourGuide, principalmente se o peso peruano estiver desvalorizando. Não deixe de conferir os valores e fazer uma simulação levando em consideração o cambio atual.

Horários de ingresso implementados em 2019

Por determinação da Unesco, o governo peruano vem implementando reiteradas medidas para proteger Machu Picchu. Primeiro, limitou-se o número de de pessoas por dia no parque. Em 2017, separou-se as entradas em dois turnos.

Desde 2019, segmentou-se as entradas em 9 horários diferentes, das 6h às 14h. Se você comprar o ingresso para as 12h, não conseguirá entrar antes disso. Em Machu Picchu, o turista tem 4 horas para permanecer dentro do parque ou 7 horas caso comprar a entrada para subir alguma das montanhas.

horarios de ingresso machu picchu 2019

Guia obrigatório

A obrigatoriedade de guia ficou mantida nas novas regras de 2019, separando o parque em 3 circuitos. O completo dura 3 horas, com outro intermediário de duas horas e meia. Por fim, há um programa para pessoas com problemas de locomoção, com duração de duas horas.

Os guais podem ser contratados na entrada do parque e cobram cerca de PER 120 para levar um grupo de 4 pessoas. Esse preço pode ser negociado e é bem tranquilo entrar em outros grupos, caso você estiver viajando sozinho ou em casal.

Reentrada proibida

Após concluir qualquer circuito, o turista que quiser reentrar no parque deverá pagar uma nova entrada. Até o fim de 2018, era permitido que o turista entrasse novamente no parque, ao menos uma vez.

Isso porque não há banheiros, centro de alimentação ou qualquer serviço dentro de Machu Picchu. Já fica a dica: alimente-se bem e vá ao banheiro antes de entrar no parque. É permitido levar uma garrafa de água em embalagem transparente.

Meia entrada para estudantes

Agora, estudantes só podem comprar ingresso com desconto pessoalmente. O desconto é de 50%. Para isso, precisam ter menos de 25 anos e apresentarem um cartão ou documento que comprovem que cursem uma universidade.

O documento precisa ter foto do estudante, informação pessoal e informação da universidade. Também precisa ter uma data de validade, deixando claro que está válido naquele momento. Mais informações sobre os locais da compra podem ser encontradas ao fim desse artigo.

Outras informações sobre a meia entrada de Machu Picchu para estudantes (em espanhol).

Está gostando das dicas?

Então lhe convidamos para conhecer o nosso Guia do Mochileiro Aventureiro – Machu Picchu e Cusco. São 120 páginas reunindo todas as informações que você precisa para fazer uma viagem do seu jeito por Machu Picchu, Cusco e o Vale Sagrado dos Incas.

Com mapas e infográficos que ajudam a organizar o conteúdo e situar o viajante, o guia proporciona um roteiro flexível de até duas semanas para quem quer conhecer essa região mágica de nevados, sítios históricos e cidades peculiares. Clique aqui e saiba mais.

Como e onde comprar as entradas

Primeiro, é preciso reservar o seu ingresso. Acesse o site oficial – machupicchu.gob.pe. Perceba que o valor do ingresso é fixado em PER (Nuevo Sol Peruano) e não em dolar.

Assim que a página abrir, vai lhe pedir informações da data que você vai visitar o sítio e quantas pessoas são. Assim que clilcar em ‘disponibilidad’, uma nova página vai abrir, trazer informações sobre a quantidade de ingressos disponível, naquele dia, para cada horário.

São três tipos de tickets que podem ser adquiridos: apenas para a Llaqta (cidadela) de Machu Picchu, e com a Llaqta mais subir uma das duas montanhas que cercam a cidade antiga. 

tarifa ingresso machu picchu

Para ingressar na trilha de alguma das montanhas, é preciso pagar PER 48 a mais. Os tickets são comercializados em três horários distintos. Ainda há um quarto ingresso que pode ser comprado pelo site, que dá acesso ao Museu Machu Picchu, por PER 22.

Somente Machu Picchu

Os dois primeiros itens são para quem quer apenas para conhecer a cidade inca, sem subir as trilhas para as montanhas. Custa PER 152.

como comprar ingresso antecipado waynapicchu machu picchu

Machu Picchu + montanha

Dá direito a entrada no parque e que você suba até a montanha Machu Picchu, que fica de frente para cidade. O caminho é bem puxado, por uma escadaria de pedras, um tanto íngreme. Custa PER 200. Saiba como é a trilha para montanha Machu Picchu.

Machu Picchu + Huayna Picchu

Vista de Machu Picchu deste o topo da montanha

Huayna Picchu (ou Wayna Picchu) é a montanha “pontiaguda” que se vê atrás da foto clássica de cidade. Ela é mais alta que a montanha Machu Picchu e o caminho é mais puxado, com escadarias mais íngremes. Se você quer subí-la, recomenda-se reservar o ingresso com, no mínimo, um mês de antecedência, pois sobem apenas 200 pessoas por dia e a entrada se esgota rápidamente.

O ingresso custa PER 200. Saiba como é a trilha para montanha Huayna Picchu.

Comprando ticket para Machu Picchu: Passo 2

Selecionada a data, o tipo de ingresso e o horário, você deverá inserir os dados pessoais de cada uma das pessoas que vai visitar o sítio. Veja bem: insira os dados dos seus amigos e familiares e não de quem vai comprar o ingresso.

O documento de identificação, para brasileiros, pode ser tanto a identidade quanto o passaporte. Lembre-se que você vai precisar estar com o documento informado na hora de entrar no parque. Caso ele for solicitado na portaria e você não tiver como apresentá-lo, sua entrada pode ser barrada.

onde e como comprar ingresso antecipado para machu picchu e huayna picchu

Concluindo a reserva

O sistema vai pedir para você conferir os dados de todos os turistas e marcar uma caixa confirmando. Depois, que você leu e concorda com os termos e condições da reserva. Entre as condições, está a possibilidade de ter a entrada barrada caso não apresentar o documento de identidade em nome de quem está a reserva.

mudanças 2019 compra de ingresso para machu picchu peru

Confirmado, o sistema vai, mais uma vez, pedir que confira suas informações pessoais (perceba que é bem importante que todos os dados estejam corretos).

Informe seu e-mail e confirme sua reserva.

 



Passo 3: Fazendo o pagamento online

Para efetuar o pagamento, é bem simples. Você precisa apenas de um cartão Visa ou Master liberado para uso internacional. Após confirmar a reserva, o sistema vai informar o valor, incluindo taxas, e a forma como quer pagar.

Basta informar todos os dados. Interessante imprimir as confirmações de pagamento e de reserva.

Onde comprar pessoalmente?

Em Cusco, o ingresso pode ser adquirido no Ministério de Cultura, que fica dentro da Casa Garcilaso, há duas quadras da Plaza de Armas da cidade (Calle Garcillaso, s/n), ou na calle Maruri, 340.

Na minuscula Águas Calientes, também há um prédio do Ministério de Cultura, a uma quadra da praça principal. Esses são os únicos lugares onde você vai conseguir comprar o ingresso sem nenhuma taxa mesmo, visto que, no cartão, paga-se pouco mais de PER 6.

Problemas com o cartão de crédito

Se você nunca utilizou seu cartão para uma compra internacional, é bem possível que ele esteja bloqueado para uso fora do Brasil. A maioria dos bancos permite que você faça isso via aplicativo de celular, porém, se ficar com dúvidas, entre em contato com sua agência.

Outro problema pode ser no próprio navegador ou na instalação de programas de segurança. Muitas instituições financeiras só permitem que você faça transações financeiras após instalar alguns aplicativos, como i-tokens virtuais.

Se você quer mais dicas como essa, não deixe de conhecer o Guia do Viajante Aventureiro – Cusco e Machu Picchu 2019, que o A Pé no Mundo acaba de lançar!

Henrique Lammel

Jornalista e produtor de conteúdo

18 comentários em “Como comprar entrada para Machu Picchu antecipada sem taxas adicionais

  • março 14, 2019 em 12:01 pm
    Permalink

    Olá! Gosto muito de seus artigos, sempre com novidades para agradar as pessoas, parabéns.

    Resposta
  • março 12, 2019 em 1:04 am
    Permalink

    Bom dia Henrique, tudo joia? Parabéns pelo post…

    Estou indo agora em Abril, acabou que resolvemos de última hora, semana passada… ai fui ver os ingressos e já não tem disponibilidade para dia 26/04 = Machupicchu con montaña Waynapicchu, tem alguma possibilidade de conseguir através de agências? Ou se já esgotou no site, esgotou geral? Digo senão tem alguns ingressos que ficam com agencias?

    Senao conseguir vou comprar direto do site o pacote Machupicchu con montaña Machupicchu. Qual horário você sugere? 6, 7 ou 8 horas? Tem alguma diferença devido clima, estar mais cheio ou não para fotos? etc

    Muito obrigado

    Resposta
    • março 12, 2019 em 9:52 am
      Permalink

      Olá Filipe! Huayna Picchu é isso mesmo. São poucos ingressos, então esgota super rápido…Acho complicado comprar por agência, pois ao comprar, é preciso colocar todos os seus dados pessoais e podem pedir sua identificação na entrada, pra ver se bate com as do ingresso. O que você pode fazer é tentar ver se não há ingressos pra algum outro dia, se tiver flexibilidade na viagem (como dia 25, 24, 27, 28)…

      Quanto ao horário, se você for um dos primeiros a subir alguma montanha, vai ter menos pessoas lá! O horário de maior visitação é ao meio dia.

      Resposta
  • fevereiro 17, 2019 em 4:34 pm
    Permalink

    Boa tarde, amigo… Muito legal teu site e muito útil o teu post. Pretendo estar em Ollantaytambo dia 27 de setembro, porém como vou de moto e com mais amigos me preocupa comprar ingressos antecipados para visitar Machu Picchu, uma vez que a viagem até lá é de cerca de 4000 km e podem haver muitos imprevistos e atrasos… Você acha que nesta data mencionada é possível que a gente não encontre ingressos disponíveis para comprar pro dia seguinte?

    Resposta
    • fevereiro 18, 2019 em 8:45 am
      Permalink

      É possível sim, mas o ideal é que não deixem pra comprar em Águas Calientes, comprem assim que chegarem em Cusco.

      E cuidem com a logística. Não é aconselhável ir de moto até a hidrelétrica (lugar mais perto de Águas Calientes e Machu Picchu que se chega por estrada), pois não tem estacionamento ou alguém cuidando e fica tudo abandonado.

      Resposta
  • janeiro 19, 2019 em 10:53 am
    Permalink

    Bom dia!

    Vou para Cuzco dia 11 de fevereiro, será q eu consigo ingresso para Huayna Pichu para visitar do dia 16 de fevereiro?.
    Forma de pagamento do ingresso e do trem é somente em dólar ?

    Obrigado.

    Resposta
    • janeiro 19, 2019 em 12:07 pm
      Permalink

      Para Huayna Picchu, dificilmente vai conseguir. O indicado é que se compre com 1 mês de antecedência.

      Se comprar pessoalmente, pode pagar em sol peruano.

      Resposta
  • dezembro 18, 2018 em 2:12 am
    Permalink

    Olá, obrigado pela vossa disponibilidade.
    Gostei muito do seu post, vou acompanhar o seu blog/site.
    Muito obrigado
    Manuela Silva

    Resposta
  • novembro 24, 2018 em 5:55 pm
    Permalink

    Esse artigo é maravilhoso pois conta coisas que outros sites e blogs não mencionam. Informações valiosíssimas. Parabéns ao Henrique lammel!

    Resposta
  • setembro 13, 2018 em 10:11 am
    Permalink

    Olá Henrique! Vi vários preços do ônibus em alguns post. desde USD 16,00 até USD 40,00. Sabe informar o valor correto? E se há algum site oficial de vendas?

    Resposta
  • agosto 2, 2018 em 7:58 pm
    Permalink

    É verdade que é necessário contratar um guia para entrar em Machu Pichu? Vou “por conta” com mais 3 pessoas. Se eu quiser contratar um guia lá, como eu faço? Quanto custa?

    Resposta
    • agosto 3, 2018 em 1:40 pm
      Permalink

      É necessário sim, mas nem sempre fiscalizam isso, então poderia muito bem dar uma de joão sem braço e tentar entrar sem. Mas vou te dizer, o guia ajuda bastante a entender a cidade e não custa tanto mais assim…

      Pode contratar na porta de entrada pra Machu Picchu mesmo…o preço vai depender se vocês vão ter um guia só pra vocês ou se vão entrar em um grupo de mais pessoas (se não me engano, cada guia pode acompanhar até 6 turistas)…Em geral, eles cobram algo como 150, 200 soles pra todo o grupo, negociando bem…

      Resposta
  • junho 22, 2018 em 8:59 pm
    Permalink

    Olá, Henrique, gostei muito do artigo, porém tenho uma dúvida: alguns amigos me recomendaram comprar meus ingressos para Machu Picchu por este site ingressosmachupicchu.com por ser mais simples, fácil e sem complicações. Além disso, eles me disseram que me ajudariam a esclarecer algumas dúvidas referentes às entradas. Você acha que isso é importante considerando o preço que você mencionou no início? Abraços.

    Resposta
    • junho 23, 2018 em 2:07 pm
      Permalink

      E ai Elisa, tudo bem?

      Você está com dificuldades de comprar no site oficial? Caso contrário, não vejo motivo para pagar uma agência só para fazer isso para você 😉

      Resposta
  • maio 21, 2018 em 1:28 pm
    Permalink

    Boa tarde, não entendi uma parte onde você fala sobre os ingressos. Se você vai subir a montanha Machu Picchu ( essa é da famosa foto com a cidade inca la em baixo?) Huayna Picchu (é aquela mais a cima, mais dificil de ir?) e quando fala -Somente para o parque,é possível comprar na véspera ou até mesmo no dia, na portaria, ( além das taxas para entrada no parque temos que pagar mais outras taxas? Ex: Quero Machu Picchu e ir la onde tiram aquela famosa foto. Tenho q comprar então montanha Machu Picchu + entrada no parque? Isso

    Resposta
    • maio 21, 2018 em 1:43 pm
      Permalink

      E aí Rafa, beleza? Valeu pelo toque. Vou dar uma lida e ver de reescrever o texto, talvez colocar alguma imagem pra tentar deixar mais claro!

      O lugar onde fazem aquela foto mais clássica, com a cidade de frente e Huayna Picchu atrás, a foto de cartão postal, tu não precisa subir nenhuma montanha pra chegar. Aí é só comprar a entrada do parque. Huayna Picchu é aquela montanha “pontuda” que está atrás da cidade na foto clássica. Já a “montanha Machu Picchu”, tu vai ter a mesma vista do “cartão postal”, mas em um ângulo mais de cima. Ta vendo a foto que tem na matéria? Tu vai ver que tem um cara subindo e Machu Picchu ta láááá embaixo. O mirador da montanha é alguns metros mais acima.

      Quanto as taxas, só paga a entrada do parque. Aí tem os gastos que tu pode ter ou não, como o ônibus de Águas Calientes até a entrada do parque de Machu Picchu, que tu pode pagar ou subir caminhando, de graça.

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.